Contando as moedas para o futuro

Moedas – Imagem: Pexels

Você tem noção da movimentação financeira que acontece ao seu redor baseado apenas em moedas e o quanto essas moedas causam um impacto, positivo ou negativo, em seu bolso?


Talvez você não seja uma pessoa que conte as moedas na carteira ou na bolsa, não entenda a diferença social que faz no mercado as moedas ou não aplique na poupança as sobras do mês, mas suas compras movimentam as moedas constantemente e não prestou atenção.

Calma. Se não planeja mínimos detalhes não terá problemas ainda, porém começar o quanto antes o entendimento que cada centavo conta já é um bom começo.

A diferença da “moedinha” está em todos os serviços e produtos: gasolina, arroz, tomate e até na promoção de final de semana comprando três pagando duas. Essa ação social está no subconsciente na ideia do dígito nove.

Desde 1875 com a inovação de compra do jornal Chicago Daily News em um centavo, transformado o valor em ímpar notaram que preços com essa ideia ajudavam a aumentar as vendas. A marca dessa ilusão de visão ocorre de forma mais intensa quando está precificada em 5,99 por exemplo, o consumidor tem o pensamento de arredondar para baixo.

O jogo de negócios está inflado nos preços. Mesmo sendo questão de centavos, o consumidor pode acreditar que há descontos e promoções. Essa forma de convencimento levada para o mercado anivela em centavos. Pode parecer pouco aos seus olhos, mas faz toda a diferença em lotes e em grandes quantidades, o que acontece na verdade.

Contar as moedas é uma ação que visa suprir compras no futuro.

Talvez não seja útil para altos valores, mas é sempre bem-vinda a moeda perdida no bolso da calça para um café ou passagem. O troco é uma aposta do mercado. Quem aposta no cliente, aposta em sua moedas. Se conquista sua confiança, seu crédito, seu relacionamento, o voto em moedas pode ser um bom começo.

O futuro é incerto, mas é perceptível. Perceba onde seu cliente aloca recursos e domine a área que tem interesse. Há mercado para pessoa que flutua no mercado do arredondamento. Arredonde descontos e promoções e conquiste mais fregueses.

Quem escreveu

Thales Kroth de Souza
Thales Kroth de Souza

Gaúcho de coração, Técnico em Contabilidade pelo Instituto Rubén Darío, Graduado em Gestão Financeira pela Universidade do Vale do Rio dos Sinos, quinto semestre em Administração e profissional com experiência nas áreas financeira e bancária.
Amante de corrida, gostar de malhar, leituras e manter-se informado.
Solteiro, procura o amor nas entrelinhas da vida.

Todos os direitos reservados | Desenvolvido por Agência Sparta