Você enxerga um bom profissional em você?

profissional em voce

Você está vendo em si mesmo um profissional de qualidade, que gostaria de enxergar em outras pessoas?


Nos últimos tempos, muito ouve-se falar em sucesso profissional. Descobrimos histórias de muitos profissionais com um currículo acadêmico de dar inveja em muitos. Mas será que só a sua formação acadêmica importa no desenvolvimento de sua vida profissional? Saiba que não.

A juventude possui algo tão precioso que muito executivos de multinacionais não possuem: O tempo.

O executivo sabe muito bem que o tempo é precioso para um futuro profissional de sucesso, pois ele já dedicou muito desse ativo em sua vida em prol de um desejo profissional, que nada mais é do que puro mérito disso.

Se você perguntar para um profissional renomado hoje no mercado se ele reconhece nele mesmo um bom profissional, o que você acha que irá ouvir como resposta? Não tenho dúvidas que você ouvirá algo muito próximo a essa resposta:

“Claro! dedico-me tanto ao meu trabalho, em muitas das vezes enquanto os outros relaxam com o conforto do momento, estou me aprimorando. Isso me dá a certeza que sou um bom profissional.”

Com isso trago a mesma pergunta a você: Você acha que é um bom profissional? Consegue enxergar em você mesmo um profissional de sucesso?

De repente sim, de repente não. Reflita sobre isso um pouco!

Antes de qualquer qualidade, a confiança parte de você. Se você não acredita ser um bom profissional, que ao deixar a empresa que trabalha hoje fará falta, você precisa repensar o seu plano profissional.

Sentir-se um bom profissional, nada mais é que acreditar em si mesmo e passar confiança aos outros, saber e mostrar para os outros que você não fica em zonas de conforto, que você trabalha duro (às vezes sem ninguém ver, na sua casa até altas horas).

Existem jogadores de futebol, por exemplo, que treinam todos os dias porque desejam se aprimorar, e existem também aqueles que treinam apenas nos dias de treino por que o clube exige.

Depende somente de você, cada um escolhe o que faz de seu tempo.

Veja também >> Você custa caro para sua empresa? Reflita!

Não estou dizendo que você deve estudar a cada segundo da sua vida. Não! 

Bem pelo contrário, quero lembrar você que é possível aprender com tudo que você vive, que um reconhecimento profissional deve ser dado a você se você de fato fizer a diferença no seu dia a dia e não somente porque possui um diploma de Harvard.

Você acorda para trabalhar diariamente com qual pensamento? O pensamento de que você está tendo mais uma oportunidade de fazer a diferença ou o pensamento de que é apenas mais um dia de trabalho? 

Cada um sabe o reconhecimento que merece, venho te provocar a repensar a sua vida nessa área. Seja você jovem ou não. 

Saiba que o pior de tudo é “viver por viver” ou “trabalhar por trabalhar”. Você deve perguntar a si mesmo: Eu faço a diferença onde estou hoje?

Logo, tudo será acrescentado em sua vida profissional de maneira automática e com muito mérito, conforme seu merecimento. 

Saiba que o “feijão com arroz” muita gente faz. Se fizeres o mesmo obterá o mesmo resultado dos outros. Faça diferente, pense diferente, motive-se por algo diferente: fazer a diferença.

Sobre o autor

Jhonny Lucas
Jhonny Lucas

Jhonny Lucas é estudante e apaixonado por Administração de Empresas, liderança de pessoas e gestão de negócios.

Todos os direitos reservados | Desenvolvido por Agência BW e Site Barato BH