O eco do agir

O eco do agir

Imagem: Pexels

A ação é o que nos move para frente e é o nosso agir quem comanda o nosso ser. O destaque de nossas atitudes reflete o que fomos, o que somos e o que queremos ser.


O verdadeiro compromisso é honrado com ação efetiva. Muitas vezes nós nos comprometemos só com palavras. Declaramos que faremos, que pensamos de uma maneira, que temos tal sentimento, mas, depois, agimos em desacordo. A atitude deveria, na verdade, preceder o discurso. O que fazemos ou deixamos de fazer perdura, fica em registro. Um bom histórico é construído com o agir coerente.

Quando declaramos algo é porque temos a intenção de levar à cabo. Falando, reforçamo-la. E a pretensão é crucial. Porém só é realmente válida quando mostrada em ação. Falar não faz acontecer. Seja no engajamento com um ideal, na construção de um projeto ou no simples horário marcado com um amigo, é sempre a atitude que vai ou não construir integridade, um bom resultado e um bom nível de confiança.

Falar é fácil, pois palavras são soltas de nossas bocas ao vento, e, nele, dissipam-se, são diluídas como um gás. Em poucos instantes já não há resquício aparente. Contudo, toda vez que professamos algo e não temos o cuidado de honrar com a nossa conduta, nós perdemos força. Independentemente de termos ciência do descumprimento. E quanto mais falhamos, mais tendemos a falhar.

Veja também >> Como vencer o medo de falar em público

Uma boa forma de nos vacinarmos contra isso é assumirmos que o comportamento deve vir antes. Vamos tratar de conversar sobre e defender a ideia de ter um determinado hábito quando já o estivermos fazendo.

Quando o vibrar produzido pelas palavras que professamos já se gastou e só resta o silêncio, vivenciamos o vácuo de nossas atitudes. O silêncio é o espaço no qual só as ações falam. Isso é o que resta. Isso vai para cama conosco todos os dias.

Ao construirmos compromisso e firmeza por meio de ações efetivas, nosso silêncio ganha valor; nosso olhar, poder; e nossa presença, magnificência. A beleza do silêncio se mostra mediante o cultivo dessa integridade. Quanto mais a temos mais agradável é vivenciar o vazio que contém o eco do nosso comportamento.

Quem escreveu

André Bouchardet
André Bouchardet

Sou Empreendedor do DeRose Method. Tenho 25 anos. Ensino uma metodologia de aprimoramento humano que tem como foco a reeducação comportamental. Há 5 anos acompanho pessoas de 18 a 35 anos que estão interessadas em trabalhar pela utilização do máximo potencial humano.

Todos os direitos reservados | Desenvolvido por Agência Sparta